+55 11 2548-0463 / + 55 11 2548-0414  |   cbdv@cbdv.org.br                                                       Acessibilidade:   Alto Contraste    Aumentar Fonte   Diminuir Fonte  

É hepta! AGAFUC-RS conquista mais uma taça de Regional para a galeria

Com gols de Ricardinho, que fecha o Sul-Sudeste como artilheiro, e Maurício, time gaúcho bate a APADV-SP por 2 a 0
#Acessibilidade: time da AGAFUC posa com as medalhas e o troféu de campeão
04/08/2019

Por Comunicação CBDV

São Paulo/SP

Mesmo com diversos desfalques de peso, a AGAFUC-RS conquistou mais um Regional de futebol de 5. Em final realizada neste domingo (4), no Centro de Treinamento Paralímpico Brasileiro, em São Paulo, o time gaúcho reencontrou a APADV-SP, adversária da decisão de 2018 e, assim como no ano passado, acabou ficando com a taça ao vencer por 2 a 0.

Os gols da partida foram marcados por Ricardinho, que ainda faturou o prêmio de artilheiro da competição (12 ao todo), e Maurício Dumbo. Um pouco mais cedo, a ACERGS-RS repetiu o feito da edição anterior e terminou com a terceira colocação ao derrotar a CADEVI-SP por 1 a 0, gol de Leonardo.

Desde 2012, a AGAFUC só não reinou absoluta na região uma única vez, em 2016, quando perdeu a final justamente para a rival de São Bernardo do Campo. Este foi o sétimo título do conjunto treinado por Rafael Astrada.

“A gente enfrentou uma grande equipe, qualificada, com jogadores de seleção brasileira e colombiana. Sabíamos que seria um jogo difícil, tivemos desfalques antes da competição, perdemos o Nonato e o Damião, atletas fundamentais, mas a galera se superou”, comemorou Ricardinho.

Além da dupla citada pelo melhor jogador do mundo, a delegação gaúcha ainda veio para a capital paulista desfalcada do argentino Coki Padilla, que não foi liberado pela seleção de seu país, já que esta se prepara para os Jogos Parapan-Americanos de Lima, no Peru, que começam no fim deste mês.

“A gente vem de uma caminhada de muitos anos com esse elenco. Muitos falam, mas a gente é qualificado para isso, a gente treina todo dia para chegar nesses resultados, nada cai do céu”, vibrou o goleiro Luan.

Sempre Ricardinho

O jogo foi bastante equilibrado no primeiro tempo e terminou empatado sem gols, com a APADV criando as melhores chances de abrir o placar. O colombiano Jhon Hernandez, vice-artilheiro do Regional, com dez gols, deu muito trabalho a Tiago Paraná e Andre, que ficaram mais na contenção.

Na etapa final, porém, Ricardinho chamou a responsabilidade e desequilibrou mais uma vez. Marcou o primeiro, em rebote de tiro livre, e depois construiu o lance que resultaria no gol de Maurício Dumbo.

“Vamos comemorar um pouquinho, mas o foco a partir de terça-feira já é nos treinos, pensar em Lima, seleção brasileira. Nesta quarta participação nos Jogos, queremos ficar com a quarta medalha de ouro”, disse o camisa 10. De 11 a 18 de agosto, o selecionado canarinho fará sua última fase de treinamento antes do embarque rumo à capital peruana.

Confira como ficaram tabela, classificação e artilharia AQUI.

Comunicação CBDV

Renan Cacioli
renancacioli@cbdv.org.br