+55 11 2548-0463 / + 55 11 2548-0414  |   cbdv@cbdv.org.br                                                       Acessibilidade:   Alto Contraste    Aumentar Fonte   Diminuir Fonte  

CBDV vai ao pódio cinco vezes no 'Oscar' do esporte paralímpico

Judoca Alana Maldonado ganha o prêmio Atleta da Galera na votação pela internet; confira todos os vencedores
#Acessibilidade: Alana Maldonado está com o braço direito estendido, segurando o troféu, e o esquerdo junto ao corpo. Ao fundo, o painel exibe uma foto da judoca e seu nome.
18/12/2019

Por Comunicação CBDV
18/12/2019
São Paulo/SP

A Confederação Brasileira de Desportos de Deficientes Visuais (CBDV) encerrou em grande estilo a temporada ao ter cinco representantes homenageados no Prêmio Paralímpicos 2019, realizado na terça-feira (17), no Hotel Unique, em São Paulo. Além dos três atletas eleitos os destaques de cada modalidade gerida pela confederação, viu ainda Fábio Vasconcelos, treinador da seleção de futebol de 5, levar o troféu de “Melhor Técnico Coletivo”, e a judoca Alana Maldonado ser eleita a “Atleta da Galera” em votação realizada pela internet.

"Estou muito feliz, agradeço a todos que me apoiam, que torcem por mim, a todos os meus patrocinadores. Esta conquista não é só minha, é de todos. A responsabilidade só aumenta para Tóquio", comemorou Alana, que recebeu 34% dos votos populares – a segunda colocada foi a velocista Verônica Hipólito (26%), seguida pela nadadora Carol Santiago (15%). O recordista mundial dos 100m T47, Petrúcio Ferreira, ficou em quarto (14%), à frente do jogador de bocha José Carlos Chagas (11%).

O pivô Nonato, artilheiro da Copa América vencida pelo Brasil este ano em São Paulo, foi escolhido o melhor jogador de futebol de 5. A medalhista de ouro no Parapan de Lima Meg Emmerich ganhou no judô, e Leomon Moreno, também campeão no Peru, faturou o troféu do goalball.

Nonato sorri e segura o troféu com a mão direita; ao seu lado, o pai, José Vicente, que o conduziu ao palco

Esta foi a 9ª edição do evento, que encerra o calendário do Comitê Paralímpico Brasileiro (CPB). Mais de 500 convidados estiveram presentes, entre eles, o governador de São Paulo, João Doria. Ele, inclusive, recebeu o "Prêmio Personalidade Paralímpica", que homenageia pessoas que contribuíram com o Movimento na temporada, das mãos do presidente do CPB, Mizael Conrado.

Mais premiados

A paulista Beth Gomes e o paraibano Petrúcio Ferreira, ambos do atletismo, foram escolhidos os atletas do ano. Nesta temporada, Beth conquistou o ouro no lançamento de disco nos Jogos Parapan-Americanos de Lima e no Mundial de Atletismo, em Dubai, com recorde mundial de 16,89m da prova na classe F52. Já o velocista faturou o ouro nos 100m e nos 400m e a prata no revezamento 4x100m, em Lima, além de ser o melhor também nos 100m e nos 400m do Mundial – na semifinal dos 100m, bateu o recorde mundial e se tornou o atleta paralímpico mais rápido do mundo, com 10s42.

"Este ano foi muito especial. Conquistamos resultados que nos enchem de alegria, e nos fazem ter a certeza de que faremos uma grande representação mais uma vez no Japão", destacou o presidente do CPB, Mizael Conrado.

O técnico da seleção de futebol de 5, Fábio Vasconcelos, posa com o troféu ao lado do painel onde se lê "Prêmio Paralímpicos - apresentado por Loterias Caixa"


Confira a lista de todos os ganhadores do Prêmio Paralímpicos 2019:


Melhor feminino
- Beth Gomes

Melhor masculino - Petrúcio Ferreira

Atleta revelação - Wendell Belarmino

Atleta da Galera - Alana Maldonado

Melhor técnico individual - Pedrinho Almeida

Melhor técnico coletivo - Fábio Vasconcelos


Por modalidade:

Atletismo - Petrúcio Ferreira

Basquete em CR – Vileide Almeida

Bocha – Maciel Santos

Canoagem – Luis Carlos Cardoso

Ciclismo – Lauro Chaman

Esgrima em CR – Jovane Guissone

Esportes de Neve – Cristian Ribera

Futebol de 5 – Raimundo Nonato

Futebol de 7 – Bira Magalhães

Goalball – Leomon Moreno

Halterofilismo – Mariana D’Andrea

Hipismo – Rodolpho Riskala

Judô – Meg Emmerich

Natação – Carol Santiago

Parabadminton – Vitor Tavares

Parataekwondo – Débora Menezes

Remo – Renê Pereira

Rúgbi em CR – Julio Braz

Tênis de Mesa – Paulo Salmin

Tênis em CR – Daniel Rodrigues

Tiro Esportivo – Alexandre Galgani

Tiro com arco – Jane Karla Gögel

Triatlo – Carlos Viana

Vôlei Sentado – Gilberto da Silva


Premiações especiais:

Prêmio Personalidade Paralímpica - João Doria

Prêmio Aldo Miccolis - Grupo Globo

Prêmio Clube Caixa - ADI APIN

Prêmio Memória Paralímpica - CPSP


*Com informações da Assessoria de Comunicação do Comitê Paralímpico Brasileiro


Comunicação CBDV

Renan Cacioli

renancacioli@cbdv.org.br

+ 55 11 98769 1371
+ 55 11 99519 5686 (WhatsApp)