+55 11 2548-0463 / + 55 11 2548-0414  |   cbdv@cbdv.org.br                                                       Acessibilidade:   Alto Contraste    Aumentar Fonte   Diminuir Fonte  

Seleção Brasileira de Futebol de 5

Cássio Lopes

Cássio Lopes dos Reis

Posição: fixo/ ala defensivo
Nascimento: 15/05/1989, Ituberá (BA)
Equipe: MAESTRO-PR
Principais conquistas
2019: Parapan de Lima; Copa América de São Paulo.
2018: Mundial de Madri.
2016: Paralimpíada do Rio.
2015: Parapan de Toronto.
2014: Mundial de Tóquio.
2013: Copa América de Santa Fé.
2012: Paralimpíada de Londres.
2011: Parapan de Guadalajara.
2010: Mundial de Hereford.
História: Um deslocamento de retina seguido de catarata tirou a visão de Cássio, aos 14 anos. Na infância, já havia praticado esporte e, aos 20, começou no futebol de 5.

 

Damião Robson

Damião Robson de Souza Ramos

Posição: fixo
Nascimento: 28/12/1974, Campina Grande (PB)
Equipe: APACE-PB
Principais conquistas
2019: Copa América de São Paulo.
2018: Mundial de Madri.
2016: Paralimpíada do Rio.
2015: Parapan de Toronto.
2014: Mundial de Tóquio.
2013: Copa América de Santa Fé.
2011: Parapan de Guadalajara.
2010: Mundial de Hereford.
2009: Copa América de Buenos Aires.
2008: Paralimpíada de Pequim.
2007: Parapan do Rio.
2004: Paralimpíada de Atenas.
História: Sofreu um acidente com arma de fogo aos 16 anos e perdeu a visão. Sempre jogou futebol e, aos 18, começou a praticar o futebol de 5.

Gledson

Gledson da Paixão Barros

Posição: ala ofensivo/ pivô
Nascimento: 10/09/1990, Salvador (BA)
Equipe: MAESTRO-PR
Principais conquistas
2019: Parapan de Lima; Copa América de São Paulo.
2018: Mundial de Madri.
2014: Mundial de Tóquio.
2012: Paralimpíada de Londres.
2011: Parapan de Guadalajara.
História: uma atrofia no nervo óptico de Gledson tirou sua visão quando ele tinha 6 anos. Depois disso, o atleta ingressou no Instituto de Cegos da Bahia (ICB) para se reabilitar. Lá, conheceu o futebol de 5. Evoluiu na modalidade e, aos 16, foi convocado pela primeira para a Seleção.

Nonato

Jardiel Vieira Soares

Posição: ala ofensivo
Nascimento: 26/07/1996, em Pinheiro (MA)
Equipe: APACE-PB
Principais conquistas
2019: Parapan de Lima; Copa América de São Paulo.
História: Devido a toxoplasmose Jardiel nasceu cego. Por meio de um evento em São Luís (MA) para deficientes visuais, conheceu o futebol de 5. 

Jefinho

Jeferson da Conceição Gonçalves (Jefinho)

Posição: ala ofensivo
Nascimento: 05/10/1989, Candeias (BA)
Equipe: MAESTRO-PR
Principais conquistas
2019: Parapan de Lima.
2018: Mundial de Madri.
2016: Paralimpíada do Rio.
2015: Parapan de Toronto.
2014: Mundial de Tóquio.
2013: Copa América de Santa Fé.
2012: Paralimpíada de Londres.
2011: Parapan de Guadalajara.
2010: Mundial de Hereford.
2009: Copa América de Buenos Aires.
2008: Paralimpíada de Pequim.
2007: Parapan do Rio.
História: Um glaucoma ocasionou a perda total da visão do jogador quando ele tinha apenas 7 anos. O baiano começou na natação, passou pelo atletismo, mas se encontrou no futebol de 5, aos 12 anos. Foi eleito o melhor jogador do mundo em 2010.

 

Luan Lacerda

Luan de Lacerda Gonçalves

Posição: goleiro
Nascimento: 06/01/1993, João Pessoa (PB)
Equipe: AGAFUC-RS
Principais conquistas
2019: Parapan de Lima; Copa América de São Paulo.
2018: Mundial de Madri.
2016: Paralimpíada do Rio.
2015: Parapan de Toronto.
2014: Mundial de Tóquio.
2013: Copa América de Santa Fé.
História: começou a jogar futsal aos 8 anos de idade. Em 2013, o jogador Damião o chamou para jogar futebol de 5. Desde então, vem sendo convocado para a Seleção.

Nonato

Maicon Junior dos Santos Mendes

Posição: ala defensivo
Nascimento: 01/06/2000, em Maraú (BA)
Equipe: APACE-PB
Principais conquistas
2019: Parapan de Lima; Copa América de São Paulo.
História: O caçula do time perdeu a visão devido ao glaucoma congênito. Conheceu o futebol de 5 em 2013, quando passou a ter contato com a modalidade no Instituto de Cegos da Bahia. Disputou seu primeiro campeonato em 2016 e, no ano seguinte, já integrou a Seleção Brasileira nos Jogos Parapan-Americanos de Jovens. 

Luan Lacerda

Maurício Tchopi Dumbo

Posição: ala defensivo
Nascimento: 25/12/1989, Benguela (Angola)
Equipe: AGAFUC-RS
Principais conquistas
2018: Mundial de Madri.
2016: Paralimpíada do Rio.
História: Após pegar sarampo, não havia médicos suficientes para tratar da doença. Como o tratamento foi feito em casa, não foi muito bem feito e acabou ficando cego. Em 2001, foi para o Brasil, por meio de um intercâmbio entre o Brasil e a Angola. Descobriu o futebol de 5 em 2006.

Luan Lacerda

Matheus da Costa Coelho Bumussa

Posição: goleiro
Nascimento: 03/10/1994, em Campina Grande (PB).
Equipe: APADEVI-PB
Principais conquistas
2019: Parapan de Lima; Copa América de São Paulo.
História: Um amigo, que era goleiro de futebol de 5, o convidou para conhecer a modalidade em 2012. Foi convocado para Seleção pela primeira vez em março de 2018.

Nonato

Raimundo Nonato Alves Mendes (Nonato)

Posição: ala ofensivo/pivô
Nascimento: 19/08/1987, Orocó (PE)
Equipe: AGAFUC-RS
Principais conquistas
2019: Parapan de Lima; Copa América de São Paulo.
2018: Mundial de Madri.
2016: Paralimpíada do Rio.
2015: Parapan de Toronto.
2014: Mundial de Tóquio.
2013: Copa América de Santa Fé.
2012: Paralimpíada de Londres.
História: nasceu praticamente sem enxergar devido a uma retinose. Sempre gostou de jogar bola com os amigos. O futebol de 5 entrou em sua vida aos 23 anos.

Ricardinho

Ricardo Steinmetz Alves (Ricardinho)

Posição: ala ofensivo
Nascimento: 15/12/1988, Osório (RS)
Equipe: AGAFUC-RS
Principais conquistas
2019: Parapan de Lima; Copa América de São Paulo.
2018: Mundial de Madri.
2016: Paralimpíada do Rio.
2015: Parapan de Toronto.
2014: Mundial de Tóquio.
2013: Copa América de Santa Fé.
2012: Paralimpíada de Londres.
2011: Parapan de Guadalajara.
2010: Mundial de Hereford.
2009: Copa América de Buenos Aires.
2008: Paralimpíada de Pequim.
2007: Parapan do Rio.
História: um descolamento de retina aos 6 anos comprometeu sua visão. Aos 10, começou a jogar futebol de 5. Já foi eleito o melhor do mundo três vezes: 2006, 2014 e 2018.

Tiago da Silva

Tiago da Silva

Posição: ala defensivo
Nascimento: 28/09/1995, Pinhais (PR)
Equipe: AGAFUC-RS
Principais conquistas
2019: Parapan de Lima; Copa América de São Paulo.
2018: Mundial de Madri.
2016: Paralimpíada do Rio.
2015: Parapan de Toronto.
História: nasceu com alta miopia. Aos dois anos, sofreu um descolamento de retina no olho esquerdo. Três anos depois, a retina do olho direito também descolou, e ele ficou completamente cego. Praticou natação, atletismo e goalball. Em 2009, entrou no futebol de 5. Chegou à Seleção em 2013.

Fábio Luiz

Fábio Luiz Ribeiro de Vasconcelos

Função: Técnico

Nascimento: 22/07/1974, Campina Grande (PB)

História: técnico da Seleção Brasileira de Futebol de 5 desde 2013

Josinaldo Costa Sousa

Josinaldo Costa Sousa

Função: Auxiliar Técnico e Treinador de Goleiros

Nascimento: 17/01/1966, Campina Grande (PB)

História: está na seleção desde 2013

Halekson Barbosa

Halekson Barbosa de Freitas

Função: Fisioterapeuta

Nascimento: 26/06/1973, Campina Grande (PB)

História: está na seleção desde 2013

Eduardo Nart

Edson Gomes Marinho Júnior

Função: Preparador Físico e Chamador

Nascimento: 29/11/1978, Campina Grande (PB)

História: está na seleção desde 2019

Alexandre Sérgio

Alexandre Sérgio Silva

Função: Fisiologista

Nascimento: 26/04/1968, Campina Grande-PB

História: está na seleção desde 2018

Hesojy Gley da Silva

Vivian Maria dos Santos Paranhos

Função: Nutricionista

Nascimento: 11/10/1984, Valinhos (SP)

História: nutricionista da seleção de 2013 a 2016; voltou em 2019